Club de
Marechal Cândido Rondon

Mostrando todas as publicações dos clubes

Projeto Leve Seu Distintivo para Passear

Na 31ª Reunião Ordinária do Rotary Club Sonhar, sob a responsabilidade da presidente Márcia Nogueira  realizada em 09 de maio, a instrução rotária foi feita pelo companheiro Caio do Rotary Club União, sobre o companheirismo dentro de um Club de Rotary.          Houve mais uma edição do Projeto: Leve seu distintivo para passear, oportunidade para os companheiros rotarianos levarem ao conhecimento de várias pessoas os ideais de paz, amizade e defesa incondicional da ética e da prestação de serviços humanitários. Na ocasião a companheira Valesca Fôlha  foi agraciada por sua participação.       Na mesma oportunidade a companheira Fabiana Kaefer trouxe esclarecimentos sobre a pauta da 45ª. Conferência Distrital que acontecerá em 18 e 19 de maio.      

Postado em 16 de Maio de 2018 por Rotary Club de Cascavel - Sonhar

Premiação dos Estudantes Participantes da 2ª Edição do Projeto: Profissional por um Dia

     Na 29 ª Reunião Ordinária do Rotary Club Sonhar, realizada em 18 de abril, o companheiro Roberto Pelizzeti do Rotary Club União, fez a instrução rotária versando sobre o Espírito Rotariano.    Houve ainda a premiação dos estudantes participantes da 2ª. Edição do Projeto: Profissional por Um dia.  Nataniel Klug, membro da Comissão de Novas  Gerações comentou sobre o processo que teve como finalistas: os estudantes Marilúcia Rui Barbosa, Julia da Luz, Maycom Duarte Ribeiro e Matheus Alexandre Chagas, classificados  no concurso de redação realizado por este  pelo Rotary Club, tendo como tema as aspirações profissionais dos jovens estudantes de terceiro ano do ensino médio do Colégio Estadual Júlia Wanderley. Os interesses dos estudantes forma diversos, houve a vivência do dia adia de uma enfermeira, de uma chefe de cozinha de um diretor de cinema e de um programador  de software.

Postado em 16 de Maio de 2018 por Rotary Club de Cascavel - Sonhar

A Prova Quádrupla

A história da Prova Quádrupla começa em 1932, quando os Estados Unidos eram assolados por grave crise. O trabalho era escasso e o governo via-se na contingência de subvencionar milhões de cidadãos. Uma empresa – Club Aluminium Products Company – achava-se às portas da falência e provável encerramento de suas atividades. Numa última tentativa para evitar o desmoronamento, após algumas considerações e exames do difícil momento, convidaram para administrá-la um jovem de negócios, Herbert J. Taylor, que ocupava posição importante numa companhia de alimentos. Taylor, aceitando o desafio, achou de início, que apenas algo superior com respeito às normas e práticas da empresa poderia evitar a falência e permitir a sua sobrevivência. Isso, naturalmente, porque o passivo era bastante grande, não havendo possibilidade de ser equilibrado, mesmo com pequenos empréstimos bancários ainda possíveis. Os concorrentes, por sua vez, tinham excelentes e melhores produtos, largamente anunciados, e desfrutavam uma cômoda situação econômica, o que agravava, sobremodo, a precariedade existente. Verificando a necessidade de encontrar uma solução satisfatória, Taylor pensou em alguma coisa com que os concorrentes não contassem. Enfrentando inúmeros obstáculos e desvantagens, empenhou-se em criar algo diferente, que pudesse substituir o código de ética adotado até então, e que não correspondia, devidamente, às reais necessidades, sendo, portanto, impraticável.Observando que o texto a ser redigido não deveria apontar aos empregados o que fazer, julgou que seria mais objetivo formular-lhes perguntas para que raciocinassem e, eles próprios, deduzissem se estavam certos ou errados em seus métodos de trabalho. Foi assim que Taylor redigiu as interrogações que compõem a Prova Quádrupla. Decorridos dois meses de experiências com a aplicação das novas regras, estava ele certo do seu valor e resolveu colocá-las em prática com os seus funcionários. A Prova Quádrupla foi decorada e passou a ser aplicada por todos na empresa. Seus preceitos passaram a ser observados nos anúncios, nas relações com os concorrentes e nas vendas. A companhia conseguiu aumentar suas vendas, tornou-se sólida e conquistou o respeito e a consideração da concorrência e dos clientes. Em 1944, Taylor assumiu a primeira vice-presidência do Rotary International e, naquela ocasião, em nome da Aluminium, entregou os direitos autorais da Prova Quádrupla ao RI. Em 1946, o texto foi registrado para fins de direitos reservados e toda a reprodução tem que ser seguida da referência “Direitos Reservados, 1946 – Rotary International e autorizada em formulário especial da entidade.(extraído da publicação PA2-515-PO) A Prova Quádrupla Do que nós pensamos, dizemos ou fazemos: É a VERDADE? É JUSTO para todos os interessados? Criará BOA VONTADE e MELHORES AMIZADES? Será BENÉFICO para todos os interessados? Durante muitas décadas, Rotary Clubs e rotarianos em todo o mundo têm usado a Prova Quádrupla como instrumento para desenvolver o respeito e a compreensão entre os povos. A Prova Quádrupla foi concebida em 1912, no auge da depressão econômica, pelo rotariano Herbert J. Taylor, do Rotary Club de Chicago. A Prova Quádrupla é uma forma conveniente de medir aquilo que pensamos, dizemos ou fazemos. Se guardada de memória e aplicada no tratamento com terceiros, contribuirá para mais efetivas e amistosas relações. O Rotary Faz a Diferença através de instrução Rotária.

Postado em 16 de Maio de 2018 por Rotary Club de Foz do Iguaçu - Grande Lago

Maio Amarelo

Os companheiros do Rotary Club de Marechal Cândido Rondon 25 de Julho, participaram no dia 12 de maio, da primeira ação alusiva ao Movimento Maio Amarelo. De acordo com a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, o Maio Amarelo deste ano propõe o envolvimento direto da sociedade nas ações para uma conscientização sobre uma nova forma de encarar a mobilidade.  Neste dia, os trabalhos ocorreram em frente ao Lago Municipal, com a seguinte programação: Distribuição de Material Educativo; Aferição de Bafômetro; Conferência de Habilitação; e Multa Educativa de Trânsito. As ações do Maio Amarelo contam com o apoio e colaboração dos clubes rotários da cidade, Rotary Kids, Rotaract, Lions Clube, JCI, Polícia Rodoviária Estadual, 35ª Ciretran, Polícia Civil, Polícia Militar, ACIMACAR, Polícia Rodoviária Federal, SESC, além dos servidores municipais envolvidos.

Postado em 16 de Maio de 2018 por Rotary Club de Marechal Cândido Rondon - 25 de Julho

Arrecadação de Alimentos

O Rotary Club de Marechal Cândido Rondon 25 de Julho, em ação realizada na noite do dia 21 de abril, arrecadou alimentos em prol do Asilo Lar Rosas Unidas. Este trabalho aconteceu em evento realizado no CTG, no qual os participantes da festa além do ingresso deverriam doar 1kg de alimento. Foram arrecadados 862Kg de alimentos que foram repassados ao Asilo da nossa cidade.  

Postado em 16 de Maio de 2018 por Rotary Club de Marechal Cândido Rondon - 25 de Julho

Reuniões Quartas-Feiras | 20:30
Rua Paraná,5032