Club de
Marechal Cândido Rondon

Mostrando todas as notícias dos clubes

Dia D (18 de Agosto) - Rotary Club de Assis Chateaubriand empenhado na conscientização da continuidade da Vacinação contra a Poliomielite e Sarampo.

  A Comissão  Pólio (Claudiney Lucio) do Rotary Club e da Secretara de  Saúde de Assis Chateaubriand, aconteceu no dia 11 de Agosto na Av. Tupãssi, a Mobilização Municipal da vacinação contra a Poliomielite e Sarampo, que está sendo difundido durante o mês de agosto (06 a 31 de Agosto) e no dia 18 de Agosto será o Dia D da Vacinação. A Secretaria de Saúde de Assis Chateaubriand, montou uma verdadeira estratégia de combate, onde o Zé Gotinha e  Maria Gotinha foram os protagonistas para  colaborar na conscientização, além da equipe da Secretaria de Saúde, através o secretário Agnaldo Vieira e Fabio (Vigilância Sanitária). Durante a manhã de sábado 05 pessoinhas apareceram para abrilhantar: o Miguel, o Joaquim, a Rafaela, o Heitor e o Arthur, que já fizeram a sua lição de casa e os pais também o fizeram, onde que a camiseta estava escrito Já Vacinei. Durante esse mês de Agosto, o Rotary Club de Assis Chateaubriand, está divulgando a Campanha de Conscientização através de folder, flyer, banner, envolvimento dos jornais,  spot de rádios, entrevistas na tv, palestras de conscientização, divulgação de  posts nas redes sociais (facebook, whatsApp, e-mail, instagram e outros) além do envolvimento direto dos nossos parceiros do  Rotaract ,  Interact Clubs, ASR, Prefeitura Municipal de Assis Chateaubriand, Secretaria de Saúde, Secretária de Educação (escolas municipais), Secretaria de Assistência Social, Núcleo Regional de Educação (escolas estaduais e especiais), ACIAC, IFPR, CTESOP, ACEU, Pastoral da Criança, e os programas Bolsa Família e Programa Leite das Crianças. O Rotary divulga a conscientização nos 07 municípios de NRE Assis Chateaubriand (Assis Chateaubriand, Brasilândia do Sul, Jesuítas, Iracema do Oeste, Formosa do Oeste, Nova Aurora e  Tupãssi), com a distribuição da Campanha e o informativo dos locais de vacinação para as escolas municipais, estaduais, cmeis, escolas especiais e Programa Leite das Crianças.  Todo esse material de divulgação (panfletos e flyer) foram distribuídos num total de 25.000 unidades que contém o dia D (18 de Agosto), horário de vacinação e locais de vacinação.  Em Assis Chateaubriand a cobertura vacinação apresenta excelentes números contra a Poliomielite:  2013: 92,34%, 2014: 99,25%, 2015: 88,95%, 2016: 95,21%,  2017: 122,17%. Os Postos de Vacinação em Assis Chateaubriand - Dia 18 de Agosto de 2018 – 8h00 às 17h00:  Posto de Saúde Central  Central, CIASP, Posto de Saúde de Terra Nova, Posto de Saúde de Silveirópolis, Posto de Saúde do Nice, Posto de Saúde do Encantado do Oeste, Posto de Saúde de Bragantina, Posto de Saúde de Panorama, Posto de Saúde de Cristo Rei.

Postado em 14 de Agosto de 2018 por Rotary Club de Assis Chateaubriand

Festiva do Dia dos Pais e Posse de Novo Companheiro

Na noite do dia 13/8/2018, ocorreu na Casa da Amizade a festiva do dia dos Pais do Rotary Club de Foz do Iguaçu, estando presente além dos companheiros rotarianos, diversos familiares. Na ocasião, os (as) filhos (as) dos Companheiros prestaram homenagem aos seus pais. Em mesma solenidade, tomou posse o Companheiro Dolivár Barbosa, nascido em 25/11/1955, com classificação: Por Serviços anteriores prestados a Itaipu Binacional, apadrinhado pelo companheiro Luis Gomes.

Postado em 14 de Agosto de 2018 por Rotary Club de Foz do Iguaçu

AGOSTO DOURADO: mês do aleitamento materno

O Governo Federal, instituiu o AGOSTO DOURADO, sendo o mês do aleitamento materno. As ações que ocorrem neste mês visam conscientizar mães, familiares e a sociedade da importância deste alimento nos primeiros anos de vida do bebê.   Em Foz do Iguaçu, o Banco de Leite Humano começou seu funcionamento na Santa Casa de Foz por onde permaneceu por um período de 2 anos. Quando do fechamento do hospital Santa Casa, o material do Banco de Leite foi recolhido e firmado parceria com o Hospital Ministro Costa Cavalcanti, com a Prefeitura Municipal e a Itaipu Binacional que reformou e forneceu a casa que desde o ano de 2002, sedia o Banco de Leite.   A grande maioria dos materiais e equipamentos que compõe o Banco de Leite Humano foi e continua sendo comprado pelo Rotary Club de Foz do Iguaçu, sendo: computadores, televisor, geladeira, móveis, ar condicionado, freezers, aparelhos de pasteurização, bombas para retirar leite humano, vidros de coleta de leite, dentre outros. Oficialmente, no ano de 2004 foi passado para a Fundação Itaiguapy todo o controle fiscal cabendo então ao Rotary a parte de logística e reparos.   O Rotary Club, percorre cerca de 200 Km para coletar juntamente com uma enfermeira, o leite humano todas as quartas-feiras no período da manhã, sendo recepcionado carinhosamente pelas mãezinhas que doam não apenas o seu leite, mas um sorriso no rosto, um abraço caloroso e o sentimento de estar doando amor e vida. Para a Rotariana Deynes Keller, coletar o leite: ‘É revigorante, faz bem para nossa alma e ao mesmo tempo senti que fazemos pouco, ao descobrir a quantidade de mães que doam. Além disso, cada mãe que doa, sabe da importância da sua ação, o brilho nos olhos e a felicidade de ajudar e gigantesca”   No mês de julho/2018, cerca de 60 mães doaram espontaneamente o leite Humano.  A doadora de leite Aline Jacone Gabardo Garcia, 24 anos, mãe de um bebê de 9 meses, esclarece que o filho ficou dois dias dentro da UTI e ela percebeu a necessidade e importância do leite humano, independentemente da quantidade de leite, visto que 30 mls de leite fazem muita diferença. Segundo ela, cada mãe que doar um vidro de leite, ajuda na somatória total para cumprimento da necessidade dos recém-nascidos que estão internados nas Unidades de Terapia Intensiva. Andressa Pinto, 29 anos, mãe do Pedro Gabriel que hoje tem um ano de idade e continua mamando no peito, é nora do Rotariano José Carlos Gabriel e faz um lindo relato: “O apoio e ajuda do banco de leite foram fundamentais para me dar força e seguir adiante com a amamentação. No puerpério ficamos muito fragilizadas e inseguras... É um turbilhão de emoções e hormônios.... Diversas opiniões do que fazer e não fazer!!! Diante disso acabamos nos sentindo inseguras e não confiando que sim podemos amamentar! Que sim nosso leite é suficiente para o bebê. As pessoas que trabalham no banco de leite são pessoas capacitadas, a maioria já mães e que entendem esse sentimento e nos orientam e mais que isso nos encorajam a seguir em frente e amamentar livre demanda. Fui extremamente acolhida e orientada, sai de lá empoderada com a certeza que o meu leite era o único alimento que meu filho precisava!!! Indico para todas as mamães de primeira viagem, como eu, que vá até o banco de leite, se informe, receba a orientação das meninas e não desistam de amamentar. Hoje posso afirmar que amamentar meu filho é a melhor hora do meu dia, um momento só nosso, onde nossos laços e o amor só aumenta cada vez mais!!!!”   Doar leite, é muito mais que um gesto de amor. Seja a Inspiração! Procure o banco de leite na Av. Gramado, 580 - Vila A, Foz do Iguaçu – PR.

Postado em 13 de Agosto de 2018 por Rotary Club de Foz do Iguaçu

Reuniões Quartas-Feiras | 20:30
Rua Paraná,5032